30/11/1677: Registro de uma carta de Sua Alteza paraque se dêem cinquënta soldados da guarnição desta praça ara irem a ordem do Tenente-General Jorge Soares de Macedo para o acompanharem às minas de Parnaguá e Serra de Sabarrabacer

(ca.09/1676)¹: Carta para o Capitão-mor da Capitania do Espirito Santo Joseph Gonçalves de Oliveira sobre não ir ás esmeraldas
06/06/2016
03/10/1678: Portaria para o Provedor-mor sobre os engenhos de Gorupary da Capitania do Espírito Santo
06/06/2016
Exibir tudo

30/11/1677: Registro de uma carta de Sua Alteza paraque se dêem cinquënta soldados da guarnição desta praça ara irem a ordem do Tenente-General Jorge Soares de Macedo para o acompanharem às minas de Parnaguá e Serra de Sabarrabacer

 
[quads id="1"]
 
 

Roque da Costa Barreto. Amigo. Eu o príncipe vos envio muito saudar. Por carta de vinte e oito de outubro deste ano, vos ordeno que para a averiguação das minas de Parnaguá e Sabarabacer a que envio o Administrador General Dom Rodrigo de Castelo Branco e o Tenente General Jorge Soares de Macedo, lhe nomeio cinqüenta soldados desa praça, digo da guarniçao desta praça mais capazes e sertanjos e considerando que indo estes soldados soltos sem oficial que os governasse poderia haver desmancho me pareceu que fossem em companhia formada com Capitão e Alferes e Sargento que em tudo estejam á ordem do dito Tenente General enquanto andarem neste serviço ordenareis se lhes paguem seus soldos por inteiro e aos soldados deveis acomodar de modo que vão satisfeitos a tão dilatada jornada e possam resistir ao trabalho dela em que não têm a comodidade da ração de farinha que gozam nesse alojamento, o que tudo não faria exemplo nem se poderá alegar por tal, executando-se isto nesta ocasião sòmente, pela importância daquela averiguação destas minas, e assim vos ordeno que executeis por ser conveniente ao meu serviço. Escrita em Lisboa aos trinta de novembro de seiscentos e setenta e sete. Príncipe. Para o Mestre de Campo General do Estado do Brasil, Conde de Val de Reis. Presidente. Pantalião Freire Porto o fez em vinte de abril de seiscentos setenta e oito, por ordem do Provedor-mor da Fazenda Real deste Estado o Capitão José Lopes de Ulhoa. João Dias da Costa.

 
 
DOCUMENTOS Históricos. Registo de Provisões da Casa da Moeda da Bahia, 1783-1793, Registo de Cartas Régias, 1678-1684. Vol. LXXXII. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional. 1948, p.268.
Acervo Biblioteca Nacional
Não há.
 
 
[quads id="2"]
 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto:
//]]>