22/04/1699: Registo da Carta Patente do posto de Capitão-mor da Capitania do Espírito Santo provido na pessoa de Francisco Monteiro

10/03/1698: Registo da carta de Sua Majestade escrita ao Governador e Capitão Geral dêste Estado Dom João de Alencastro sôbre as sesmarias
07/06/2016
12/10/1702: Carta sobre as Minas de ouro desta Capitania, e da do Espirito Santo
07/06/2016
 
[quads id="1"]
 
 

do Conselho de Sua Majestade que Deus guarde etc. Porquanto por falecimento de José Pinheiro de Barbuda ficou vago o posto de Capitão-mor da e convem provê-lo em pessoa de valor, prática na disciplina militar e experiência da guerra: tendo eu consideração ao bem que estas qualidades concorrem na de morador na mesma Capitania e haver servido a Sua Majestade que Deus guarde nos postos de Capitão Sargento-maior e Coronel de infantaria da ordenança ser uma das principais pessoas da dita Capitania; esperando que nas obrigações do dito posto se haverá muito conforme a confiança que faço de sua pessoa. Hei por bem de o eleger e nomear (como de fato elejo e nomeio) Capitão-mor da dita para que o seja, use e exerça com todas as graças, honras, isenções, franquezas, liberdades e preeminências de que gozavam seus antecessores; execute a que estiver ou for derrogada por ordem de sua Majestade ou deste Governo e como eles haverá o ordenado que lhe pertencer enquanto servir em o dito posto do qual o hei por metido de posse havendo primeiro dado juramento e feito preito e homenagem nas mãos dos oficiais da Câmara da dita Capitania segundo uso e costume do Reino de Portugal e se pratica naquela Capitania de que se fará assento nas costas desta. Pelo que ordeno aos ditos oficiais da Câmara da mesma Capitania o hajam, honrem, estimem e reputem por seu Capitão-mor e ao Coronel e mais oficiais de guerra e milícia, Fazenda e Justiça, Nobreza e Povo dele façam o mesmo obedecendo, guardando e cumprindo todas suas ordens de palavra e por escrito tão pontual e inteiramente como devem e são obrigados. E ao Provedor da Fazenda Real da Capitania dita ordeno outrossim se lhe faça assentar e pagar o ordenado enquanto servir com o dito posto na forma que se praticava e seu imediato antecessor gozava. Para firmeza do que mandei passar a presente sub meu sinal e selo de minas armas, a qual se registará nos livros da Secretaria do Estado Fazenda Real dele e nos da Fazenda e Câmara da dita Capitania: Oficial-maior da mesma Secretaria a ffez nesta cidade do Salvador Baía de Todos os Santos em 22 dias do mês de Abril. Ano de 1699. o fiz escrever. Dom João de Alencastre. Selo. Carta Patente do Posto de Capitão-mor da Capitania do Espírito Santo que vagou por falecimento de José Pinheiro de Barbuda: e Vossa Senhoria teve por bem prover na pessoa de Francisco Monteiro: pelos respeitos acima declarados. Para Vossa Senhoria ver. Registada no livro 6.º dos registos da Secretaria do Estado do Brasil a que toca a folhas 116. Baía 2 de Maio de 1699. Lamberto leonardo Lopes de Carvalho a registou em 7 do dito mês e ano. João Antunes Moreira.

 
 
DOCUMENTOS Históricos. Provisões – Patentes – Alvarás. 1697-1699. Vol. LVIII. Rio de Janeiro: Biblioteca nacional. 1942, p.325-327.
Acervo Biblioteca Nacional
Não há.
 
 
[quads id="2"]
 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto:
//]]>